Tudo sobre São Vicente em um único lugar – São Vicente Online

Encontre, avalie e compartilhe locais e empresas perto de você

Em quê você está interessado? Explore algumas das melhores dicas da cidade de São Vicente

Conheça nosso trabalho Descubra como o São Vicente Online pode ajudá-lo a encontrar tudo o que quiser.

Escolha o que fazer
À procura de um hotel acolhedor para ficar, um restaurante para comer, um museu para visitar ou um shopping para fazer compras?
Encontre o que você quer
Pesquisar e filtrar centenas de listas, ler comentários, explore fotos e encontrar o local perfeito.
Conheça novos locais
Não perca tempo, abra a mente e explores locais diferenciados e negócios inusitados. Isso é São Vicente, a primeira cidade do Brasil.

Últimas Notícias

  • Cavalo cai em canal e é içado por retroescavadeira em Praia Grande, SP; vídeo



    Acidente aconteceu na manhã de sábado (18), no bairro Anhanguera. Animal não sofreu ferimentos. Cavalo cai em canal em Praia Grande, SP Um cavalo caiu dentro de um canal neste sábado (18), em Praia Grande, litoral de São Paulo. Imagens obtidas pelo G1 mostram o resgate do animal, que atraiu a atenção de curiosos. Ele foi recolhido pelo dono e passa bem. A situação aconteceu durante a manhã, no bairro Anhanguera. O animal se desequilibrou e caiu dentro do canal que corta a Rua Dezoito, umas principais vias daquela região. Equipes do Corpo de Bombeiros chegaram a ser acionadas para auxiliar no resgate. Segundo a Prefeitura, uma retroescavadeira da Secretaria de Serviços Urbanos, que fazia trabalhos de manutenção em vias próximas dali, ajudou no içamento do animal. Ainda de acordo com testemunhas, o cavalo foi socorrido sem ferimentos e, logo em seguida, foi recolhido pelo proprietário. Equipes da Divisão de Saúde Ambiental e Proteção à Vida Animal não precisaram ser acionadas. Retroescavadeira auxiliou no resgate do cavalo, na manhã deste sábado (18), em Praia Grande (SP) G1 Santos
  • Casal é suspeito de afogar afilhada para ganhar R$ 260 mil em SP



    Jovem foi levada pelos dois à praia e morta em meio a um nevoeiro, segundo a polícia. Atyla Arruda Barbosa, de 20 anos, foi achada morta em praia de Mongaguá (SP) Arquivo Pessoal Um casal foi preso por suspeita de matar a afilhada Atyla Arruda Barbosa, de 20 anos, em Mongaguá, no litoral de São Paulo. A princípio ela tinha sido vítima de afogamento no mar, mas a Polícia Civil descobriu que os dois queriam, na verdade, o seguro de vida dela, estimado em R$ 260 mil. Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP), o corpo de Atyla foi achado por equipes do Corpo de Bombeiros em uma praia do município, com sinais de afogamento, em julho. Ele foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) e, em paralelo, uma investigação foi aberta pela Polícia Civil. Após apuração, os investigadores verificaram que a jovem morava fora da região e decidiu viver com os supostos padrinhos, uma mulher de 41 anos e um homem, de 47, no primeiro semestre, em busca de novas oportunidades. A madrinha, entretanto, era a única beneficiária de um seguro feito para Atyla. Para polícia, a jovem foi propositalmente morta no mar, pelo próprio padrinho, em meio a um denso nevoeiro, para que o casal pudesse ficar com o valor da indenização, paga em caso de acidentes. Eles simularam que a afilhada tivesse se afogado para encobrir, então, o homicídio. Na tarde de sexta-feira (17), porém, após ter o pedido de prisão preventiva acatada pela Justiça, os policiais civis detiveram os suspeitos na casa em que moravam, na cidade vizinha, em Itanhaém. No local, segundo a SSP, foram achados vários documentos, livros e um punhal. O comportamento do casal, que identifica a jovem como afilhada, foi determinante para o pedido de prisão temporária. Os dois, cujos nomes não foram informados, foram levados para a Delegacia Sede da cidade e, em seguida, para a Cadeia Pública. O caso segue em investigação. Caso foi registrao na Delegacia Sede de Mongaguá (SP) G1